Fique Atualizado! Receba grátis as atualizações do Pedreirão.

Hierarquia de uma Obra de Construção Civil, Passo a Passo!

Por:fabricio

Amigos, quando perguntamos uma pessoa quais os profissionais que trabalham em uma obra de construção civil rapidamente ela responde: Pedreiros! Mas, será que são somente os pedreiros que fazem toda uma obra acontecer? Claro que não!

Uma construção tem muitos profissionais envolvidos. Nesse tópico falaremos apenas dos profissionais que põe a mão na massa ou que estão diretamente ligados ao canteiro de obras, são eles:

Mestre-de-obras, encarregados, pedreiros, carpinteiros, armadores, serventes, bombeiros, eletricistas, pintores, gesseiro, pedreiro de acabamento, calceteiro.

Vejamos o organograma para melhor compreender a hierarquia de uma obra:

Mestre-de-obras: profissional experiente em obras que detém o conhecimento de todas as atividades e sequência executiva da obra. Sua função é distribuir as frentes de serviço para os encarregados com o objetivo de cumprir as metas de produção da semana estipuladas pelo engenheiro (chefe imediato). Ele deve prezar pela qualidade do serviço, produtividade da equipe e o trabalho com segurança para evitar acidentes. É o porta-voz da obra. Ele deve manter a ordem dentro do canteiro de obras e filtrar os problemas antes de chegar na equipe de engenharia. Um bom mestre deve ter habilidade na leitura de projetos.

Macete 01: ao longo de anos de obra os mestres demonstram muitas dificuldades com marcação de níveis e procuram mudar o projeto a todo o momento. Atenção nesses aspectos.

Encarregados: são os profissionais líderes das equipes. Sua função é colocar em prática as metas determinadas pelo mestre-de-obras para que consigam cumprir no prazo. Ele deve direcionar os profissionais na frentes de serviço e acompanhar a execução verificando se está conforme projeto. Também é função do encarregado evitar problemas na sua equipe como vaidades, profissionais que não produzem ou de serviço sem qualidade. O encarregado também deve ter habilidade na leitura de projetos e ter uma interação direta com o mestre-de-obras.

Os dois profissionais acima são os responsáveis por direcionar a mão-de-obra e colocar as atividades previstas pela engenharia em prática. Vamos agora aos profissionais que põe a mão na massa, também conhecidos como mão-de-obra direta:

Pedreiros: são os profissionais que fazem os serviços da parte civil como alvenarias, chapisco, emboço, reboco, contra-piso, requadramento de portas e janelas. Bons pedreiros são os que tem habilidades com nível, prumo, esquadro. Os pedreiros também atuam nos serviços de concretagem de pisos, lajes, pilares e vigas.

Pedreiro de acabamento: são os profissionais que fazem os serviços de assentamento de cerâmicas, azulejos, porcelanatos, bancadas de banheiro e cozinha, etc. O serviço deles deve ser bem feito, com calma e qualidade porque é o resultado final de obra. É o que vai ficar a mostra na casa.

Carpinteiros: são os profissionais responsáveis pelas formas de baldrames, blocos, cintas, lajes, pilares e vigas em madeira (madeirite, pontalete, sarrafo). Mesmo as lajes nervuradas são montadas pelos carpinteiros porque também há as vigas de madeira para fazer, fundo de capitéis, etc.

Macete 02: bons carpinteiros são os que garantem o alinhamento das formas e, além disso, que essas não abram durante as concretagens.

Armadores: são os profissionais responsáveis pela ferragem da obra. Se a obra comprar o aço cortado e dobrado os armadores tem apenas que montar, mas se a obra cobrar as barras retas os armadores tem que cortar, dobrar e montar tudo na obra.

Macete 03: o armador deve saber muito bem fazer a leitura de um projeto de armação.

Bombeiros: também conhecido como Bombeiro Hidráulico, esse é o profissional responsável pelas instalações hidrossanitárias, ou seja, água fria, água quente e esgoto.

 

Macete 04: os bons bombeiros são os que conhecem muito de materiais e conexões. Existem outros materiais além do PVC, como o PEX, o PPR, o CPVC, o PVC-R, etc.

Eletricistas: são os responsáveis pelas instalações elétricas da obra (tomadas, iluminação, telecom, dados, CFTV, som, etc) e toda a sua infra-estrutura como a instalação de eletrocalhas e redes de eletroduto corrugado tipo Kanaflex.

Macete 05: bons eletricistas também devem possuir habilidade na leitura de projetos.

Calceteiro: é o profissional responsável pelas atividades nas áreas externas da edificação, como o assentamento de pisos intertravados, assentamento de meio-feio, execução de calçadas e sarjetas.

Pintor: é o profissional responsável pela pintura da edificação, tanto interna quanto externa. O bom profissional é aquele que conhece os vários tipos de tinta que tem no mercado (selador, tinta acrílica com brilho ou semi-brilho ou fosca, tinta óleo, massa corrida, etc), sua aplicação e rendimento.

Gesseiro: é o profissional que aplica tanto o gesso de parede como o gesso de teto. Esse profissional geralmente trabalha, também, com dry-wall.

Ajudantes: é a mão-de-obra que não tem qualificação na carteira. Geralmente são mais jovens e começam na construção civil ajudando algum profissional com o objetivo de ir aprendendo a função para, no futuro, também vir a ser um profissional.

Assim, esses são os profissionais que trabalham diretamente na obra. No outro post falaremos do restante da equipe, também conhecidos como mão-de-obra indireta.

Abraço a todos!
Pedreirão.

Abraço a Todos!
Pedreirão.
  • sulivan pinheiro

    Uma boa aula , valeu pessoal.

  • RUBENILSON B. DA SILVA

    UM ÓTIMO SITE.SOU TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES,MUITAS COISAS NESTE SITE ME AJUDAM A ME MANTER SEMPRE ATUALIZADO!

  • Oscar Cuellar

    Muito bom

  • Henrique Souza

    Excelente explicação amigo continue assim !

  • Ulisses E. Monteiro

    muito informativo, obrigado por ter facilitado.