Fique Atualizado! Receba grátis as atualizações do Pedreirão.

Diferença entre Granito e Mármore, Passo a Passo! [Aprenda Agora]

5 de dezembro de 2014

Amigos, os granitos e mármores são pedras muito utilizadas nas edificações em bancadas, revestimentos de piso e parede. Mas essa dúvida sempre persiste: Qual a diferença entre Granito e Mármore?

Esse artigo do Pedreirão é o guia definitivo para esclarecer essa dúvida!

Granito

diferenca-granito-marmore-pedra-bancada-pedreirao

O granito é uma rocha natural ígnea formada por três minerais (mica, feldspato e quartzo) responsáveis pela sua beleza, resistência e durabilidade. Muito indicado áreas internas, externa e ideal para bancadas de cozinhas e áreas de serviço.

Não são riscados com facilidade porque tem “dureza Mohs” alta (entre 6/7).

Por ter baixa porosidade o granito não mancha e absorve pouca água. Algumas tonalidades absorvem mais água e outras menos.

Falo em tonalidade e não em cor porque os granitos tem um visual mesclado, se você olhar bem de perto consegue perceber várias “pedrinhas” com tonalidade bem próxima.

Principais Granitos

No mercado é possível encontrar granitos nos seguintes tons: cinza, amarelo, creme, rosa, verde, vermelho, marrom, preto.

tipos-granito-piso-verde-ubatuba-preto-sao-gabriel-modelos-pedreirao

O preço dos granitos varia de acordo com a sua raridade. Quanto mais raro, mais caro. Os granitos mais em conta são os cinzas e os mais caros são os pretos e os brancos. Confirmar essa informação

Mármore

diferenca-granito-marmore-pedra-bancada-pedreirao

O mármore é uma rocha natural metamórfica composta principalmente por minerais de calcita, com coloração mais uniforme com formação de veios definidos. É menos resistente e mais poroso que o granito. Por ser mais poroso é mais suscetível a manchas e pode absorver gordura. Escolha com muita atenção a essas características. Os mármores também são mais caros que os granitos.

Macete 01: O Brasil produz e exporta muito granito, mas a produção de mármore é muito pequena, por isso, o preço mais elevado.

O mármore deve ser utilizado em ambientes internos, porque sofre com a ação de intempéries e da poluição.

É indicado para áreas com tráfego leve de pessoas porque desgasta-se mais facilmente com o atrito de areias sobre o piso porque tem “dureza Mohs” baixa (entre 3/4). Também deve ser evitado nas cozinhas porque absorve gordura pela sua porosidade.

O mármore também não tem boa resistência contra ácidos, podendo facilmente manchar e perder brilho quando exposto a materiais de limpeza pesados, vinagres e limão.

Para o revestimento de paredes o mármore é mais indicado porque é mais leve que o granito.

Principais Mármores

Tipo-Marmore-Modelos-Pedra-Bancada-Pedreirao

Limpeza de Granitos e Mármores

Qualquer uma das peças requer apenas um pano úmido para fazer a limpeza. Se necessário utilize detergente neutro. Nunca utilize produtos como água sanitária, produtos ácidos ou corrosivos. No caso do mármore tomar muito cuidado com líquidos como café, vinhos, refrigerantes e óleos/gorduras.

Como descobrir se uma peça é granito ou mármore?

É muito simples! Baste pegar um objeto de metal, como uma boa faca e riscar a superfície da pedra. Devido a “Dureza Mohs” o mármore é riscado e o granito não.

Normas Técnicas de Referência

NBR 1844:2010 – Rochas para revestimento – Requisitos para granitos

NBR 1845:2010 – Rochas para revestimento – Métodos de ensaio

Abraço a todos!
Pedreirão.